Pular a navegação e ir direto para o conteúdo

Tecnologia Achix
Busca
Busca Avançada
Entrar | Não é cadastrado?
Você está em: Início » Textos » MARACATU DE BAQUE VIRADO E MARACATU BAQUE SOLTO

Textos

MARACATU DE BAQUE VIRADO E MARACATU BAQUE SOLTO

PONTOS
DIVERGENTES E CONVERGENTES NA RELIGIOSIDADE DO MARACATU DE BAQUE
VIRADO E BAQUE SOLTO


Muitos se perguntam sobre a diferença entre Maracatu de Baque
Virado (Nação) e o Maracatu de Baque Solto (Rural). Antes de
qualquer análise artística, de figuras, dos instrumentos,
personagens, precisamos entender a religiosidade presente nestas
manifestações.


O Maracatu de Baque Virado tem suas raízes religiosas ligadas aos
povos com origens de matriz africana, principalmente pela chegada de
diversas nações vinda de diferentes regiões do continente
Africano, entre esses povos, o que Pernambuco mais recebe influencia
são dos povos Nagôs, Jejes e Ketus. Com menos influência, porém
presente, os povos Bantos e Moçambicanos.


A maioria das Nações de Maracatus de Baque Vidado (Nação)
estão localizadas em sua maioria, nos centros urbanos, encurralados
nas periferias, numa espécie de senzalas contemporâneas. Onde hoje,
a casa grande pode ser representada pelos bairros nobres, cercados
pelos morros, altos só acessam os centros dentro dos calendários
festivos, a exemplo de Carnaval e São João.


No Maracatu de Baque Solto, observamos sua origem e seu nascimento
ligados aos engenhos canavieiros, nos interiores, longe dos centros
urbanos. É uma expressão cultural de Pernambuco. Com isso podemos
afirmar, que o Maracatu Rural é uma Cultura nascida no Brasil, assim
como o samba, o frevo, o coco de roda, entre outras. A referência
religiosa nasce das influências dos Povos Indígenas e Africanos,
formada pela fusão de espíritos de Pretos, Pajés indígenas,
Agricultores, Capangueiros, espíritos com vivências ligadas ao
interior do Brasil. Fruto dessa miscigenação única existente no em
nosso país..


 


Personagens e Instrumentos


Outras diferenças estão nas estéticas dos personagens e
instrumentos. Em quando o Maracatu de Baque Virado tem na figura
maior, o batuqueiro, pessoa que toca o Tambor. O
Maracatu de Baque Solto tem na figura do Caboclo de Lança a
sua figura singular com seus
chocalhos (Surrão)
e lança na mão. As duas expressões tem uma corte de frente com as
figuras do Rainha, Rei, o Pálio.


O gonguê, caixa de guerra e o ganzá também são utilizados
pelas duas expressões. O Maracatu Rural conta ainda com o bombinho,
trombone, sax e trompete e uma Porca (instrumento bastante parecido
com a cuíca, mas com o som mais grave) dando a marcação frenética
desse ritmo.


 


 

Visualizações: 27.270
Gostou?! Então vote!
  • 27 pessoas votaram Sim
  • 21 pessoas votaram Não

Este conteúdo tem 11 Comentários

Neste espaço não serão permitidos comentários que contenham palavras de baixo calão, publicidade, calúnia, injúria, difamação ou qualquer conduta que possa ser considerada criminosa. A equipe do portal iTEIA reserva-se no direito de apagar as mensagens.

  1. ediclecia maria comentou:
    em 10.03.2014 às 15:48

    que feio

  2. Joyce Erica Nunes comentou:
    em 18.11.2014 às 18:31

    muito bom a pesquisa do maracatu mim ajudou muito no trabalho da faculdade muitas informacoes

  3. Marcondes junior comentou:
    em 02.03.2015 às 11:21

    gostei me ajudou muito

  4. Jussara Soares comentou:
    em 15.11.2015 às 19:08

    Gostei das informações esclareceu bastante. Obrigaday

  5. henrique mendes comentou:
    em 26.12.2015 às 05:07

    O QUE SIGNIFICA O NOME BAQUE VIRADO

  6. Camilla comentou:
    em 27.09.2016 às 20:57

    Nss, não tem oq eu procuro!

  7. JULIA VITORIA comentou:
    em 23.11.2016 às 19:03

    ME AJUDOU MUITO ESPERO QUE AJUDE MAS PESSOAS

  8. daniele lourenço comentou:
    em 11.02.2017 às 11:34

    muito bom obriga me ajudou muito

  9. Douglasvan der ley comentou:
    em 27.03.2017 às 19:11

    Gostei da pesquisa deu pá me situar bem,lamento pelo primeiro comentário dessa senhora desavisada,,feio é não fazer algo em prol da cultura

  10. Sandoval comentou:
    em 09.04.2017 às 09:16

    Este tema caiu no vestibular da UPE em Pernambuco, muitos jovens errarm

  11. Vitoria ellen comentou:
    em 18.08.2017 às 10:12

    Isso me ajudou muito no meu trabalho

Deixe um comentário








Parceiros
Cooperação
Integração
Realização
Patrocínio

Ir para o topo